Notícias Games

Ações da Gamestop caem 5% com anúncio oficial do PlayStation 5

pymnts

Nos últimos dias, o mercado financeiro da indústria dos videogames ficou movimentado com o anúncio oficial do PlayStation 5. Positiva para alguns, a notícia provocou uma queda considerável nas ações de algumas empresas.

GME stock

O caso mais relevante está na GameStop. A rede de varejos com lojas dedicadas à videogames nos Estados Unidos registrou queda de 5% após o anúncio do PS5.

 

Motivo da queda

Segundo analistas da CCN, o principal motivo da queda está na necessidade dos jogos serem instalados para os mesmos serem iniciados, mesmo que estes sejam comprados por mídia física. Ou seja, haverá um fortalecimento maior das vendas digitais.

Além de fortalecer e incentivar compras digitais, uma das vantagens da compra de mídia física no PlayStation 4 será perdida: a conservação de maior espaço no disco rígido dos consoles.

Assim, a tendência é de haja um enfraquecimento nas vendas dos jogos em mídia física com a chegada do PlayStation 5, a partir do final de 2020, representando um “golpe” na principal fonte de rentabilidade da GameStop.

Nem mesmo o aumento considerável de movimento e vendas de hardware previstos para o final de 2020, com os lançamentos de PlayStation 5 e Project Scarlett, irão suprir à queda que será sentida nos anos posteriores.

 

O efeito PlayStation 5

A GameStop representa apenas a principal amostragem de uma preocupação generalizada nas lojas e varejos destinadas à vendas de jogos para consoles em mídia física. Há uma tendência global das vendas ficarem majoritariamente restritas apenas à colecionadores.