Conecte-se com a Torre

Vídeo: Frozen II é uma continuação em DVD lançada em cinemas

Cinema

Vídeo: Frozen II é uma continuação em DVD lançada em cinemas

Durante muito tempo a Disney era extremamente protetora com o seu catálogo de filmes. Durante muitas décadas, os clássicos sequer apareciam em reprises na televisão. Isso por causa da estratégia da produtora de controlar a demanda pelos seus produtos. Restringir o acesso aos filmes clássicos como Pinóquio, Branca de Neve e Fantasia para algumas poucas reexibições em cinema criava em um evento em sí, valorizando a marca além de fidelizar novas gerações. Logo, com a onda do home-video chegando nos anos 80, a empresa resistiu muito disponibilizar seu catálogo nessa nova mídia, com medo que isso desgastasse a marca. Mas quando uma pequena leva de 4000 cópias em VHS de Pinóquio esgotou em um mês, eles viram o potencial alí. Em pouco tempo, todos os clássicos da empresa estavam sendo indo para as locadoras, (Ainda com tiragem limitada, para pressionar o público a comprar imediatamente) fidelizando um novo público e foi criado todo um setor novo dedicado a esse novo mercado.

Nos anos 90, a estratégia tinha evoluído a ponto de se criarem filmes para serem lançados diretamente para home video. Começando com Aladdin: O Retorno de Jafar, continuações e spin-offs dos filmes da Disney eram lançadas anualmente. Eles eram feitos nos estúdios de animação menos importantes da Disney, especializados em comerciais, e tinham custo de produção muito menor do que os que iam ao cinema, e tinha roteiros de qualidade muito inferior. Mas, de acordo com o CEO da época Michael Eisner, já que tanto os filmes de cinema e as contiuações eram lançados na mesma mídia, o público infantil não veria tanta diferença. Já fora-se o tempo em que “desgastar a marca” era uma preocupação.

Lá pra meados da década de 2000, essas continuações deixaram de ser produzidas, (Substituídas por uma infinidade de filmes de Tinkerbell) mas o espírito delas ainda perdura até hoje, tanto nos live-actions quanto em Frozen II.

Confira nossa crítica do filme e como ele segue a tradição de continuações desnecessárias de filmes de Disney, só que a agora com um orçamento de filme grande.

Comentários

Mais em Cinema

Topo